Este espaço é para si! Envie-nos a sua notícia: mscmail.fotorali@gmail.com

sexta-feira, 2 de junho de 2017

UM RALI FEITO A PENSAR NO PÚBLICO

A Super Especial nocturna realizada na cidade de Santo Tirso marcou o arranque de um rali muito atrativo para público e pilotos, com a cidade a vestir-se com uma moldura humana de fazer inveja a qualquer Rali do Nacional. No sábado o rali continuou com triplas passagens pelas PECs de N.S.Assunção e Mourinha / Hortal, tendo o público marcado também aqui forte presença, e em particular nas zonas espetáculo. 

A ROFF e a Piscinas Prestígio, apoios fundamentais do piloto, permitiram que Moisés Teixeira alinhasse com o seu Peugeot 206 GTI nesta edição de 2017.
Navegado neste rali por Rui Rocha, Moisés Teixeira encarou este rali com a clara vontade de presentear o público presente com um bom espetáculo, tendo assumido que essa premissa estaria sempre presente durante o desenrolar da prova. Contudo, a luta pelos pontos no campeonato regional norte não foi descurada, tendo estado também na mente da equipa procurar um equilíbrio que permitisse não defraudar o público presente, e ao mesmo tempo conseguir levar o carro até ao final do rali.
Tendo em conta alguns problemas encontrados a nível mecânico, o saldo final foi muito positivo, tendo sido possível aliar um bom espetáculo à conquista de importantes pontos, ocupando o 2º lugar no grupo P1-2 do Campeonato Regional de Ralis Norte. A equipa de assistência, a Matos Competições, desempenhou um papel fundamental para que fosse possível resolver as situações encontradas e manter o 206 em prova.
Em jeito de retrospetiva, aqui fica o que disse o piloto depois desta prova:
“Este foi um rali feito a pensar no público, a pensar no que é para mim estar num rali, um rali feito a sorrir. Cada vez mais, é assim que quero continuar nesta modalidade: com um sorriso atrás do volante, e a tentar despertar os sorrisos de quem nos vai ver! 
Sendo um facto que os ralis são provas onde ganha o que cumprir o percurso no menor espaço de tempo, é também um facto que os pilotos que mais adeptos arrastaram e arrastam, foram aqueles que nunca esqueceram que acima de tudo este é um desporto onde a paixão vence a razão!

Se é certo que todos têm o seu lugar, pilotos como o Colin McRae que foi campeão do mundo uma única vez, mas é considerado por muitos o melhor piloto de sempre, talvez o seja pela forma como vivia este desporto, pela alegria que emprestava a cada curva que fazia, pela paixão com que agarrava no volante, encostava ao fundo o pedal mais à direita e se lançava nos troços de rali a deixar um rasto de plenitude e um sorriso de admiração/contemplação na cara de todos que fizeram também alguns kms e sacrifícios nos “ralis das suas vidas" para o ir ali ver!
Não cometo a ousadia (heresia, dirão alguns) de me comparar com “O piloto” com lugar cativo no Olimpo, mas caramba, nada me impede de tentar seguir esta linha de pensamento sobre o que é um rali, para quem são os ralis e porque gostamos tanto de ralis! Dentro do que puder, daquilo que souber, e sempre que me seja possível vou seguir esta máxima: estar do lado de dentro do carro a lembrar-me do que gosto de ver quando estou do lado de fora.
Sempre que deixei a alegria passar para o volante, posso ter perdido uns segundos em alguns casos, mas eternizei momentos!
É assim que quero estar neste desporto, sem cometer loucuras a tentar fazer o que não sei, mas a fazer o melhor que sei e com um sorriso no rosto: “Keep Calm and Just Smile” ”

Sem comentários:

Enviar um comentário